Sunday, January 31, 2010

PREOCUPAÇÕES...

A minha sogra estava muito preocupada porque na faculdade do neto mais novo (enfim, mais novo da primeira fornada de netos...), o Técnico, há muitíssimos gays.

Tentei tranquilizá-la, dizendo que isso não era contagioso, que o rapaz não era desses, etc, etc, mas não deixei de me lembrar da reflexão do Zé Vilhena sobre a proliferação desse género, não obstante não se poder reproduzir.

Realmente, ao tempo da minha primeira licenciatura no Técnico, no início dos anos 70, a presença de maricas não era notória; não me lembro de nenhum, pelo menos de que se falasse à socapa, uma vez que, nesse tempo, maricas assumidos quase não havia.

E aquando da segunda, já no fim dos anos 90, tampouco me lembro de maricagem de se notar.

Nessa vetusta casa, dignas de nota só mesmo as putas à volta do recinto. Essas, sim, continuam presentes ontem como hoje e, certamente, amanhã!

Wednesday, January 20, 2010

CASA PIA - PAULO PEDROSO NÃO LEVOU A SUA AVANTE

Paulo Pedroso (o famigerado Merdoso...) tentou, tal como o seu colega Gama tinha tentado, reduzir ao silêncio os rapazes que o tinham acusado de abusos sexuais.

Processou-os e agora chega-se, finalmente, ao acórdão da Relação que dá como improcedente a queixa do Merdoso.

Realmente estas coisas da Justiça são engraçadíssimas: o réu, o arguido, pode mentir à tripa forra que ninguém lhe vai à mão, nem sequer é ajuramentado. Mas as vítimas, no douto entender do Gama e do Merdoso, só deveriam abrir a boca se tivessem testemunhas e (talvez) depoimentos das mesmas, para memória futura, devidamente assinados e, como testemunhas, devidamente ajuramentadas.

As vítimas deviam conformar-se com a sua condição de vítima e nem pensar em denunciar os senhores doutores sem ter provas provadas. É comer (ou ser comido...) e calar!

Sem isso, os senhores doutores processá-los-iam por difamação e atentado à consideração e bom nome.

Um bando de cabrões, é o que eles são!

Veja o post sobre este assunto, ali abaixo, que foi actualizado.

Sunday, January 10, 2010

MY SWEET LORD

Vejam esta versão do My Sweet Lord, em homenagem ao autor, o Beatle Georges Harrison.

Um abraço ao Toni Ferreira, que me enviou.

video

Saturday, January 09, 2010

A MELHOR DA SEMANA

A melhor da semana foi-me mandada pelo meu amigo Toni Ferreira e é, mais coisa menos coisa, assim:

O marido chega a casa impante com as botas novas que comprou. Planta-se à frente da cara metade que olha para ele, impávida, sem reparar em nada de especial.

Ele vai ao quarto, despe tudo (excepto as botas) e planta-se de novo à frente dela.

- Então, não reparas em nada de novo?

- Reparo numa coisa pendurada a apontar para umas botas novas, porquê?

E acrescenta:

- Se ao menos tivesses comprado um chapéu...

Thursday, January 07, 2010

PEDRO NAMORA E O PROCESSO CASA PIA

Um dos culpados (pela descredibilização da investigação) é Mário Soares; outros, Vieira da Silva, Manuel Alegre e mais membros da tribo rosa...

Há muitas cadeiras por preencher no Tribunal

Pela mão amiga do Zé Lameirinhas chegou-me um vídeo que me encheu de remorsos por ter deixado passar tanto tempo sem postar sobre o processo Casa Pia.

O dr Pedro Namora continua com o seu esforço incansável no sentido de não deixar cair no esquecimento o processo Casa Pia que, ao fim de cinco anos, se arrasta penosamente no Tribunal.

As vítimas estão cada vez mais descrentes de que alguma vez lhes seja feita justiça, os réus (os poucos que restaram do lote de arguidos "importantes"...) estão cada vez mais arrogantes, certos de que, tirados os nove fora, não ficarão a fazer companhia ao Bibi numa qualquer penitenciária.

Veja no Youtube a recente entrevista que Pedro Namora deu à SIC.

Os arguidos não pronunciados continuaram as suas carreiras (o tinhoso do Merdoso rumou à Roménia, para deixar a coisa arrefecer um bocado e poder voltar ao Parlamento e à vereação de uma Câmara Municipal qualquer, donde bota faladura, frequentemente, na televisão), os réus continuam com as suas vidinhas (dois até se associaram numa empresa de rent-a-car, dando graças à Casa Pia que os juntou).

Até o Carlos Cus aparece de vez em quando a lamentar a perseguição de que foi alvo, a injustiça que lhe foi feita, que o privou das luzes da ribalta...

O juiz Rui Teixeira continua a ser perseguido pela cambada que sempre amparou o Merdoso, cujo irmão, se bem que não tenha ascendido ao Conselho Superior da Magistratura, mantém negócios lucrativos com a Grande Casa Socialista (em que, pelo que veio a lume, pouco fez para merecer o que lhe pagaram...)

A brigada da Judite que investigou o caso, foi desmembrada...

Enfim, Catalina Pestana foi afastada da Casa Pia por, certamente, ter terminado o seu trabalho e já não ser necessária!

E o antigo Provedor (não me lembro do nome do sacana) que durante 17 anos presidiu àquela bandalheira, esse reformou-se com pompa, circunstância e jantar de desagravo, sem que lhe tivessem ido à mão. Esse é o grande ausente do processo em Tribunal.

Veja aqui o que temos escrito sobre este caso.

Sunday, January 03, 2010

O LUÍS VILLAS-BOAS E O 26 DE ABRIL

Esta manhã, a Antena 1 emitiu um programa sobre o dr Villas Boas, o director do Refúgio Aboim Ascenção, um tipo polémico e altamente opinativo.

A foto ao lado tem direitos de autor, a quem faço a devida vénia, mas não arranjei outra foto para aqui pespegar.

Já há uns anitos, o senhor indispôs a comunidade Gay & Lésbica ao tecer considerações sobre a infelicidade de uma criança ser educada por homossexuais (que nunca deveriam poder adoptar!), sobre sexualidade natural (?!) sobre as lésbicas não serem mulheres na plenitude natural do termo (lá nisto... eheheheheheheh!!!).

Veja mais aqui.

Primeiro era "pela Vida" e deixou-se incluir na lista de mandatários desse movimento no Algarve, depois, pensou melhor, (parece que nunca tinha pensado muito sobre a coisa...) e achou que interromper ou não a gravidez era uma decisão do foro íntimo da mulher e desarriscou-se do movimento pró Vida.

No caso Maddie, também teve de meter a sua colherada , criticando os pais da catraia (o que nem é difícil...) e num caso mais recente apoiou que um puto (o Martim) fosse retirado à mãe a quem negou visitas ao filho (aparentemente por sua alta recreação) para mais tarde apoiar o pedido de revisão da sentença...

Uma espécie de cata vento, carago!

No programa de hoje fiquei a saber que o senhor era militar (e do MFA!) fazendo parte da meia dúzia dos que participaram na preparação do 25 de Abril, mas que se retirou no 26 de Abril, aparentemente porque no 26 de Abril surgiram "revolucionários" às carrada e o senhor não quereria misturas...

O homem tem um EEEGGGOOO do tamanho de um camião e uma maneira de falar, num tom blasé, que mostra bem que quem não é ele é inferior (porraaa!!!!) a ele...

Enfim, se calhar sou eu que sou maldoso e o senhor tem aquele modo de falar simplesmente porque sim e a coisa não é o que parece.

Bem, o que queria destacar é o seguinte:

Fazer o 25 de Abril nem foi particularmente difícil

Centenas de livros, testemunhos, entrevistas, programas de rádio e TV e filmes, mostram bem até que ponto o regime estava caduco e indefeso, pior, sem vontade de se defender. A posição da PIDE/DGS face ao movimento dos Capitães foi bem o indício dessa abulia, desse fatalismo ante qualquer coisa que se adivinhava estar para acontecer.

Mas se o 25 de Abril não foi difícil, já o mesmo não se pode dizer do 26 de Abril! Nitidamente quem fez o golpe de Estado tinha uma ideia muito por alto do que iria fazer a seguir, muitos dos capitães considerariam simplesmente passar o poder ao "nosso general" Spínola...

Se todos os capitães "puros, sérios e apolíticos" se tivessem pudicamente retirado para os bastidores, cuidando que a sua progressão na carreira militar não fosse poluída pela horrível política, teríamos caído às garras do PC, de quem o MFA se teria transformado em braço militar, a reforma agrária e as nacionalizações ter-se-iam eternizado ou, quando muito, estaríamos agora a convalescer, acompanhando a queda do mundo soviético e do muro de Berlim.

Não sr dr Villas Boas, o difícil, o essencial, foi ajudar a manobrar o barco depois do 25 de Abril, contra extremistas de ambos os lados, evitando cair num regime dos amanhãs que cantam sem, para tanto, ter sido preciso uma guerra civil.

Ou seja, difícil, difícil foi aguentar a canalha vermelha, fazer o 25 de Novembro e manter o rumo à democratização do regime.

FOTOS DE 2009

ATENÇÃO: ISTO NÃO É UMA SELECÇÃO TIPO BEST OF 2009.

Ao arrumar ficheiros no(s) disco(s), decisão de Ano Novo sempre reiterada mas nunca cumprida (talvez por impossível...), encontrei algumas fotos que me fizeram rir, que me fizeram pensar (?!) ou que, muito simplesmente, me interpelaram (ó égua!!!) e que aqui partilho convosco.

Vejam o anúncio de um daqueles perfumes, after shave (whatever), quase sempre perfeitamente idiotas (excepto o do Capuchinho Vermelho e do Lobo Mau, Auuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!).

Este, apresenta um Masai esquelético com um after shave que lhe custaria cinco vezes mais que o valor do seu recheio de casa.

Clique para ampliar e ver melhor

A seguinte mostra como a pequena viaja no metro, solidamente agarrada ao varão, sem risco de queda.

Experimente o método, mas olhe que não é para todo(as)...

A propósito do after shave e dos perfumes, lembrei-me de uma laracha do Herman José, de cujos bons tempos tenho muita saudade, que referia que a Rexona tinha lançado uma linha de desodorisantes para homem, com a marca Rexaralho...

Ganda Herman. Volta, meu!

Friday, January 01, 2010

VIVA O 2010!!!!!

FELIZ 2010!!!

Meditem e tomem decisões para o Ano Novo (ou não), olhando para estas gaivotas que apanhei, no chão e em vôo, da última vez que fui à Caparica.

ENJOY!